8 dicas para deixar seu website seguro

Possuir um website já é uma necessidade para as empresas atualmente. Desta forma, é possível que um negócio seja reconhecido nacionalmente e até mundialmente na internet através da presença de marca e prestação de serviços, assim, atingindo seu público-alvo.

Porém, devemos alertar que não basta apenas ter um website se ele está vulnerável a ataques e infecções de Malware, que podem prejudicar a integridade do website e trazer insegurança para os usuários que o visitam.

Confira 8 dicas para deixar seu website seguro

1 – Mantenha sua plataforma atualizada

É comum que muitos administradores não mantenham a plataforma do website atualizada. Porém, devemos alertar que estas atualizações trazem consigo não apenas alterações na plataforma, como atualizações de segurança indispensáveis para manter o website seguro.

Por isso sempre que surgir uma nova atualização, avise o desenvolvedor de seu website para o mesmo validar e aplicar a nova versão.

2 – Possua senhas fortes

Esta dica é a mais comum entre os padrões de segurança existentes, porém muitos usuários esquecem deste detalhe e utilizam senhas comuns como datas importantes e números sequenciais.

Crie uma senha forte que contenha letras, números e pelo menos 1 caractere especial, com pelo menos 10 caracteres de comprimento.

3 – Utilize Certificado SSL

O Certificado SSL é muito importante principalmente em lojas virtuais, pois realiza a proteção entre a conexão do usuário e o servidor, utilizando uma criptografia avançada de 256bits, permitindo assim que dados sensíveis como número do cartão de crédito e senhas não sejam interceptados.

Após a aquisição do certificado, é inserido um cadeado verde na URL de seu website, indicando aos usuários que a conexão é segura.

Caso você ainda não faça uso de algum Certificado SSL. confira todos os tipos de certificados que oferecemos  clicando aqui.

4 – Adicione captcha em páginas importantes

Você já deve ter passado por uma situação no qual precisou ter que inserir seus dados para acessar determinada página ou realizar um comentário e além disso, inserir em um campo de texto um código ou uma pergunta que o próprio website disponibiliza através de uma imagem ou texto.

Saiba que esta medida de segurança, mesmo sendo um pouco irritante, reduz a possibilidade de quebra das senhas de administração e inibi a inclusão de comentários automáticos indesejados (SPAMS) no website.

5 – Contrate uma hospedagem segura

Hospedar seu website num servidor seguro é fundamental, pois os mesmos podem ser alvos de ataques por existirem falhas no software que está instalado no servidor.

Na hora de contratar uma hospedagem não procure apenas o melhor preço, procure pelo melhor atendimento, suporte e pesquise o que dizem sobre a empresa. Clique aqui e saiba como a SECNET pode te ajudar.

6 – Mensagens de erro

Cuide com as informações disponibilizadas quando ocorre algum tipo de erro em formulários de login.  A mensagem informada deve ser cuidadosamente formulada, ou seja, não especifique que apenas um campo (login ou senha) está incorreto, sempre use mensagens genéricas como “usuário ou senha está incorreto”, indicando que todos os campos devem ser revistos.

Caso o Hacker possua a informação que apenas um campo está incorreto, ele irá atacar aquele campo em específico com força bruta, já que o outro campo está validado.

7 – Sistema de Backups

Manter um backup de todos os arquivos de seu website é essencial, pois nunca sabemos quando uma falha de hardware pode ocorrer e acabarmos perdendo dados importantes do website. Por isso,  lembre-se de sempre copiar o seu backup fora do seu ambiente local em um Data Center de alta disponibilidade.

Caso você ainda esteja fazendo o backup dos seus arquivos localmente, experimente utilizar um serviço de Backup Online.

8 – Utilize o CloudFlare

O CloudFlare é um produto da CloudFlare, Inc., cujo objetivo é acelerar e proteger os websites que fazem parte da sua infraestrutura, e após seu website fazer parte da mesma, o tráfego web é encaminhado através de uma rede de distribuição de conteúdo inteligente chamada de CDN.

A CDN automaticamente otimiza a entrega das páginas na web para que seus visitantes possam acessá-la mais rápido. Além disso, realiza o bloqueio de ameaças, limita bots abusivos e rastreadores, evitando o desperdício de recursos do servidor.

Restou alguma dúvida referente ao CloudFlare? Acesse o seguinte link e saiba mais.

Agora que você já tem algumas dicas de como tornar seu website mais seguro, basta aplicá-las e garantir a sua segurança e a dos seus visitantes. Porém, fique atento ao executar as dicas para não gerar problemas futuros, recomendamos que sempre entre em contato com desenvolvedor do seu website para lhe auxiliar.